Arquivo da tag: Facebook

Duas observações sobre o app Lulu

Captura de Tela 2013-11-28 às 01.12.27

Um aplicativo disponível para iOS e Android e com o singelo nome de Lulu – que nada tem a ver com o cantor – causou rebuliço nas redes sociais ao permitir que as mulheres votem e avaliem os homens com quem tiveram relações. Uma espécie de “foursquare” de rapazes. O vídeo abaixo explica com mais detalhes:

Uns dizem que é uma ferramenta revolucionário, que empodera as garotas na escolha de seus pretendentes e/ou peguetes; outros dizem que é uma baita invasão de privacidade que tem como objetivo difamar os “cabra-homi” do sexo masculino – já tem até um debate jurídico a respeito. De qualquer forma, se a pessoa se sentir invadida, tem a opção de excluir seu perfil das opções de avaliação.

A respeito deste aplicativo tenho dois comentários que fiz no meu perfil do facebook e achei interessante trazer para o blog e deixar como reflexão.

Devia ter o “patch” Lulu Santos

luludancingpe

Seria bem mais legal se as meninas avaliassem os rapazes com trechos de letras ou referências do Lulu Santos, tipo: “não vou dizer que foi ruim, também não foi tão bom assim” ou “eu gosto tanto de você que até prefiro esconder, deixa assim ficar subentendido”, ou A MELHOR: “PRA ESSE EU VIRO A POLTRONA”. Vocês não acham?

Lulurindo

* * *

Critérios de avaliação privilegia a friendzone.

lulu

O matemático Oswald de Souza deveria ter analisado o Lulu, aposto que ele descobriria que nota é inversamente proporcional ao rancor que a ex ou a pretendente não correspondida sente de você ou ao nível de interesse nutrido por uma eventual pretendente.

Se sua nota for baixa, significa que o índice de rancor é alto e é traduzido em negatividade no app ou que a mulher não quer concorrência na disputa por seu objeto de desejo.

Agora se sua nota é alta, ela equivale à quantidade de dó – ou nível de amizade – que a mulher nutre por você e por isso quer te posicionar bem, com o objetivo de te desencalhar com qualquer pessoa, menos com ela.

Ou seja, não se iluda com nota alta no Lulu. Mulheres são inteligentes e ardilosas e não dão ponto sem nó. Homens com notas altas são aqueles que mais frequentam a friendzone. 

Deixo esta provocação para a comunidade científica – e o tribunal popular das redes sociais – comprovar ou refutar a minha tese.

* * *

Só para constar, antes de eu excluir meu perfil do serviço minha média era 5,1 (não fui informado quantas avaliações tive) e uma das minhas tags era #feioarrumado. Uma avaliação que na UFPA teria conceito regular. Nunca saberei se minha nota ia aumentar ou diminuir, mas como estou fora do mercado prefiro não ficar disponível para julgamento.

Enquanto isso vamos acompanhar até onde vai essa brincadeira e o que está reservado para o futuro deste aplicativo e de seus derivados.

luludancing

1404847_10201654513819717_1393221845_o

Cineclube 7 da Estácio FAP exibe A Rede Social, de David Fincher

A sessão será nesta terça (22), às 17 horas, no auditório da Estácio FAP. O evento é aberto ao público e com entrada gratuita.

1404847_10201654513819717_1393221845_o

Atendendo convite da professora Érika Siqueira, participarei pela primeira vez do Cineclube 7 em debate, mediado pelo professor do curso de redes Willys Campos, sobre o filme “A Rede Social” (The Social Network, 2010) de David Fincher. Primeiro haverá a exibição deste filmaço e depois falaremos sobre tecnologias da informação e comunicação, sociabilidade online, cibercultura, empreendedorismo digital e os limites éticos e criativos destes novos “modelos de negócio” proporcionados pela internet.

Espia o trailer:

P.S.: A Estácio FAP fica na Rua Municipalidade, 839, bairro do Umarizal.

 

NosVamosAssim-Pedro

Eu no “100 dias com paixão” e no “Nós Vamos Assim”

Esta semana tive a oportunidade de participar/contribuir em dois projetos digitais criativos e muito interessantes de alunas da UFPA. Um tumblr de coisas fofinhas que fogem do cotidiano e uma fã page de moda cotidiana.

100 dias com paixão

100diascompaixao-logo

É um tumblr, mas também tem fã-page no Facebook, criado pela estudante Amanda Paixão (de publicidade e propaganda) que se propõe a sair da rotina com uma ação diferente por dia, durante 100 dias. Ela explica o projeto:

Uma vez eu li em algum lugar que o nosso dia só faz sentido e é completo se vivemos coisas novas, se nós deixamos mudanças em algo ou alguém. Me fez pensar no quanto transformamos o dia em rotina, a correria vira costume e assim os anos passam e paramos de apreciar o que realmente importa, que pode ir de um singelo pôr-do-sol ao doce sorriso de uma criança. Pensei em mudar um pouco as coisas e experimentar o novo por cem dias.  É a partir dessa mudança que eu convido você a vir comigo e viver 100 Dias Com Paixão.

Já teve dia do abraço, carta pra desconhecido e até comida inventada. Hoje é o décimo-segundo dia e eu fiz parte do quinto dia, que teve como título “Frases, Balas e Balão” e, como o nome já diz, funcionou com a troca de mensagens e balinhas dentro de balões. Eu recebi duas mensagens da aluna remista (e ~zuêra~) Milene Sousa. Veja como foi:

100diascompaixao

Esse aí de cima é o Pedrox, professor de jornalismo e torcedor do Paysandu. Recebeu uma mensagem da Milene (e da torcida do Remo) dizendo pra ele ir ao jogo do Paysandu, por ser “pé frio”, hahaha. Logo depois recebeu uma mensagem da torcida do Paysandu dizendo para ele não ir! Gostei da brincadeira (ou não era? hehe).

Foi muito divertido receber mensagem em balões, ter que estourá-los para ter acesso aos textos e ainda ganhar mentas, mesmo sendo “sacaneado”. De fato foi uma ideia legal e quebrou a rotina. Parabéns a todos os envolvidos e que os próximos 88 dias continuem sendo bem criativos!

Nós Vamos Assim

nosvamosassim

Esta é uma fã-page do Facebook criada e mantida pelas estudantes de jornalismo Amanda Campelo, Marília Jardim e Natália Costa com a proposta de mostrar “que é possível se vestir bem sem gastar muito”. Tem dicas de moda, “looks do dia” das autoras e dos amigos e colaboradores. Minha participação apareceu numa postagem desta quinta (3) num “ensaio” feito na biblioteca central da UFPA:

Vocês já perceberam que os últimos convidados são tipo mega queridos, né? E hoje não podia ser diferente. Ele é professor, blogueiro e bicolor. Na verdade, ele nem precisa de apresentação. Então vamos ao o que interessa: O look desta quinta-feira é do Pedro Loureiro de Bragança, ou simplesmente @Pedrox…

NosVamosAssim-Pedro

E o meu texto a respeito da foto:

Escolher roupa não é uma das minhas prioridades – na verdade acho chatão -, por esta razão procuro simplificar ao máximo o processo no dia-a-dia cotidiano diário de todos os dias. Se eu pudesse teria um uniforme, um modelo único de roupa com várias peças repetidas, tipo o Steve Jobs, ou os personagens da turma da Mônica. A propósito, assim como o ESTEVÃO TRABALHOS, também gosto de usar calça jeans azul e camisa preta.

Raramente saio para comprar roupas, quando vou se torna um evento marcante, porque faço logo um estoque para não ter que voltar tão cedo em uma loja. Calças jeans são daqueles itens que só faltam andar sozinhos de tanto que uso. Não tenho muitas e como sou um homem do povo, comprei esta que estou usando junto com outra mais escura numa liquidação. Camisa polo é outra coisa que gosto muito de usar, porque não é tão informal quanto uma camiseta de estampa, nem tão formal quanto uma camisa social. Fica no meio termo e acaba servindo em 80% das ocasiões. Esta que estou usando foi presente da minha sogra – que é a mais linda do mundo (quiçá do sistema solar, do universo, das galáxias AND do cosmos).

Tênis também é algo que só compro quando os que tenho acabam (no sentido de fazer boca de jacaré) e este comprei, junto com um mais claro da marca das três listras. Este é da marca do rinoceronte (eu nem conhecia, mas o vendedor falou que é de qualidade e eu gostei de como ficou no meu pé). O relógio-calculadora é de uma linha retrô da Casio que minha tia me trouxe dos “esteites”. Fez muito sucesso durante a minha infância nos anos 80, mas eu nunca tive na época. Ganhei com algumas décadas de atraso e uso ele com gosto todos os dias, mesmo sendo mais acostumado a ver as horas no celular do que no próprio pulso.

Camisa: Presente da sogra/ Calça: Lojas Renner/ Tênis: Centauro/ Relógio: Presente da tia.

Sou uma negação em termos de moda e vestuário, mas adorei participar do Nós Vamos Assim e presenciar o momento em que a fã-page ultrapassou as 1.000 curtidas. Parabéns, meninas! ASSIM VOCÊS VÃO longe! :)

novas_midias_jornalismo_online_hiperlocal

UFPA: Conheça os projetos digitais criados pela turma de jornalismo/2010

Entretenimento, futebol, literatura, cultura, produção de alimentos, televisão e vestibular são temas dos blogs desenvolvidos por alunos da disciplina Jornalismo Digital e Novas Mídias da UFPA

novas_midias_jornalismo_online_hiperlocal

Desde maio estou professor substituto na FACOM – Faculdade de Comunicação da UFPA e, dentre outras disciplinas, ministro aulas de Laboratório de Jornalismo Digital e Novas Mídias na parte prática, que sugere a criação de um produto pelos alunos. As turmas então foram divididas em equipes de até 6 integrantes para desenvolver um projeto digital que tivesse como espinha dorsal um blog no WordPress, mas com presença em outras redes sociais como Facebook, Twitter, YouTube e Soundcloud.

Foi um semestre atípico para ambos os lados. Do meu, porque era o meu primeiro naquela instituição e ainda era pouco o entrosamento com a professora Élida Cristo, também substituta e novata, com quem divido a disciplina. Do deles, porque eles deveriam ter cursado a disciplina no sexto semestre, mas só tiveram professores habilitados no sétimo, os fazendo cursar no mesmo período duas disciplinas de laboratório. Além do mais, o período letivo foi marcado por uma greve de estudantes que protestaram – com razão – por melhorias nas estruturas da FACOM, o que acabou reduzindo o tempo hábil para as atividades.

Apesar de todas as dificuldades, avalio que os alunos fizeram trabalhos muito bons, produzindo conteúdos relevantes e que merecem ser consultados. Alguns dos produtos ainda continuam sendo atualizados e outras equipes sinalizaram que pretendem levar adiante, embora a maioria deles tenha parado ao fim da disciplina. Eu acredito muito no potencial destes projetos e gostaria que vocês os conhecessem e, se acharem interessantes, deixassem comentários nos posts para estimulá-los a continuar produzindo. Continue lendo

Monta PizzUp-Premios

Monta PizzUp: Joguinho viciante oferece pizzas como recompensa

PizzUpA PizzUp é sem dúvida uma das pizzarias que mais inovou nos últimos tempos em Belém. Não apenas pelo fato de vender pizzas quadradas, mas pela iniciativa de focar sua comercialização na internet, a partir de um site onde você pode montar a sua própria pizza e pelas interações dinâmicas nas redes sociais.

A forma lúdica com a qual a pessoa visualiza e customiza o seu pedido a partir de cliques com o mouse nos sabores e ingredientes, além da facilidade de comprar sem precisar sequer usar o telefone – embora exista a opção de pedidos da maneira tradicional – torna a experiência de encomendar uma pizza bem mais simples e até divertida. Além do que sempre fazem promoções e interagem de verdade com os clientes no twitter e no facebook, esclarecendo dúvidas e até efetuando vendas por estes meios.

E por falar em facebook, é lá que está a mais recente inovacão da empresa. Seguindo a tendência de gamificação eles desenvolveram, em parceria com a startup paraense Guest 3D Soluções Interativas, um “social game” para a rede social do Mark Zuckerberg cujo desafio consiste em “capturar” – com um clique de mouse – os ingredientes que são atirados sobre a tela para montar as pizzas sugeridas a cada fase. O jogo se chama Monta PizzUp:

Monta PizzUp

Embora a interface do jogo seja amigável e as animações sejam muito bem feitas – quando você consegue clicar num ingrediente ele já aparece montadinho na Pizza – o difícil controle do mouse e a velocidade com que os itens são atirados complicam o processo. Em minha primeira experiência meu melhor desempenho foi um pífio 31o. lugar do ranking que me deixou bem frustrado, mas diferente dos demais jogos de facebook, este tem um fator motivacional maior: a recompensa!

Monta PizzUp Regras

A melhor pontuação dos jogadores fica registrada num ranking com todos os participantes semanalmente e todo domingo às 20 horas os 3 primeiros colocados ganham nada mais nada menos que: UMA PIZZA! Ou seja, o tempo em que você perde no jogo dos PÁSSAROS RAIVOSOS pode ser aproveitado jogando algo que premia seu desempenho de uma maneira bem saborosa e justo naquela derradeira do fim-de-semana quando tudo o que se quer e ficar preguiçoso em casa vendo o Fantástico ou qualquer porcaria na TV.

De acordo com as regras, o primeiro lugar ganha uma pizza grande, o segundo uma pizza média e o terceiro uma pizza pequena.

Eu poderia escrever mais detalhes sobre a pizzaria e até explicar melhor sobre o jogo, mas tenho 31 adversários a superar para poder comer a minha Pizzup sabor “Pedrox” feita com muçarela, manjericão, queijo cuia, cebola, alho, calabresa e catupiry depois de comemorar a vitória no RExPA do próximo domingo.

Quer encarar o desafio? Clica na foto abaixo:

Monta PizzUp-Premios

Momento CCC (Ce Colar Colou): Este post NÃO É PATROCINADO, mas se a PizzUp quiser me presentear com uma pizza no sabor acima sugerido, eu juro que não vou recusar.