MPPA abre cadastro de reserva para estágio em jornalismo

Alunos matriculados nos 6 últimos semestres e com média global mínima de 7,0 (sete) podem ser inscrever até 10 de novembro.

Trabalhar no Ministério Público do Estado do Pará é uma das experiências mais completas que se pode ter no ramo da assessoria de comunicação. Diferente de assessorias mais específicas, como a de uma empresa de educação ou uma secretaria de saúde, a vivência profissional neste órgão auxiliar ao funcionamento da justiça oferece uma diversidade de temas bastante extensa.

Para se ter uma ideia, o escopo do Parquet abrange praticamente qualquer assunto noticiável pois é uma instituição que atua na defesa dos interesses sociais e indisponíveis, como o direito à vida, à saúde, à moradia, à liberdade, à educação, ao trabalho, à cidadania, dentre outros.

Além disso, o MP é fiscal das leis e atua, ainda, na defesa da ordem jurídica e do regime democrático. Também defende o patrimônio cultural, o meio ambiente, os direitos e interesses da coletividade, como os das comunidades indígenas, da família, da criança, do adolescente e do idoso.

Se eu, que sou servidor efetivo (concursado) do MPPA há quase 10 anos, sempre aprendo algo novo na nossa insana rotina diária, pense na oportunidade de quem é estudante e pode ter essa vivência por até dois anos.

Se você tem média global igual ou superior a 7,0 (sete) e está regularmente matriculado nos seis últimos semestres do curso de jornalismo em uma das faculdades conveniadas, o primeiro passo para trabalhar conosco é se inscrever neste link aqui.

O cadastro de reserva vai ordenar todos os inscritos de acordo com a média global informada na inscrição e comprovada pela instituição de ensino superior. Quando os atuais estagiários se desligarem em função de suas graduações, a lista de inscritos será acionada para entrevista e teste de seleção.

A jornada de estágio é de 4 (quatro) horas diárias e 20 (vinte) horas semanais, compatíveis com os horários de aula e de expediente do MPPA, no turno da manhã ou da tarde, e a grana é boa para um estágio: R$645,50 + auxílio-transporte, de R$105,60.

A próxima chamada está próxima, prevista para o início de 2018. Se você quiser participar desta seleção – e das próximas até o encerramento deste cadastro – não perde tempo e te inscreve. Mais detalhes no edital.

Slides da palestra “comunicação nos esportes: o desafio do Paysandu”

Apresentação na III Conferência de Social CRM em Belém está disponível para leitura

A III Conferência de Social CRM em Belém foi um sucesso. O comitê organizador, os palestrantes e todos os participantes do evento estão de parabéns pela qualidade do conteúdo apresentando no dia de ontem (28). Como palestrante agradeço demais o convite e a oportunidade de palestrar sobre os dois assuntos que mais gosto de falar: comunicação digital e Paysandu.

Na ocasião dividi a apresentação em 3 atos: 2012, 2013 e 2017. No primeiro ato falei do Paysandu desconectado que encontrei em 2012; no segundo mostrei o trabalho que comecei a fazer nos seis meses em que fui diretor no clube pela primeira vez, em 2013, desde a formação da equipe, mostrando as dificuldades iniciais, o início dos trabalhos em comunicação digital e as condições deixadas para que meu sucessor Erick Almeida conseguisse implantar várias inovações posteriores à minha saída.

No último ato falei de 2017, com o meu retorno à diretoria de comunicação, e os benefícios da contratação da Papão TV/Studio Lumiar e da Agência Macaco Velho para pensar nos desafios traçados para a temporada. Apresentei a estrutura atual e os resultados positivos alcançados neste e nos últimos 5 anos. Finalizei com os principais aprendizados que tivemos nesta relação de comunicação, citando exemplos, como as controvérsias geradas na ação do roupeiro por um dia e no erro de tiiming do post sobre o cupuaçu, mostramos também nossos esforços no combate à intolerância e o reconhecimento dos erros e diálogo com o torcedor.

Há muito mais assuntos para falar. Se me deixassem eu poderia passar um dia inteiro contando o que aprendemos, mas o recorte escolhido foi o suficiente para preencher bem o tempo da palestra. Agradeço a todos que prestigiaram a apresentação e deixo o link para quem quiser ver os slides da palestra. É só clicar na imagem abaixo:

Marketing Digital e Comunicação nos Esportes: os desafios do Paysandu

Palestra faz parte da III Conferência de Social CRM Belém, que será realizada no último sábado de outubro.

No próximo sábado (28), às 9h50, ministrarei a palestra Marketing Digital e Comunicação nos Esportes: o desafio do Paysandu, para contar um pouco da minha experiência na diretoria de comunicação do maior clube da Amazônia. O evento faz parte da III Conferência de Social CRM Belém: oportunidades e soluções para negócios e empreendedores, que será realizada no Centro de Convenções Belém Hall.

A conferência aborda a gestão de relacionamento com o cliente utilizando mídias sociais, que é a tradução do termo inglês Social Customer Relationship Management (Social CRM). Trocando em miúdos, é o uso das mídias sociais e seus dados para melhorar o relacionamento com o cliente. O objetivo é aumentar a sensibilização acerca dos potenciais dessa metodologia de trabalho no contexto brasileiro.

As inscrições vão até esta sexta (27) e podem ser feitas neste link, mas se você é Sócio Bicolor pode resgatar inscrição gratuita no evento usando moedas bicolores (esgotado). Se você é empreendedor ou quer aprender um pouco mais sobre marketing digital e experiências de relacionamento, participe. Para mais informações, clique no cartaz abaixo: